Programação Musical
Mais um passo para completar o asfalto da BR-364 é concluído, informa Deputado Aelton Freitas
Divulgação/Reprodução

O trecho sem asfalto de aproximadamente 12 quilômetros da BR-364, entre os municípios de Gurinhatã e Campina Verde, aguarda para ser finalizado desde 2012, quando ocorreu a conclusão das obras de pavimentação de 210 quilômetros do trecho desta rodovia em solo mineiro, entre os estados de Goiás e São Paulo. De acordo com informações do Deputado Federal Aelton Freitas (PL) um grande passo para resolver este impasse que já dura  quase dez anos, parece estar perto do fim, e trazer alívio e segurança aos motoristas, empresários e população que usam a via.

Segundo informações de Freitas, encaminhada a redação do Portal do Sistema Cancella, nesta semana, ocorreu a  finalização do termo de referência, documento necessário para licitar a obra de conclusão do asfaltamento destes doze quilômetros. “Essa obra será para completar a ligação asfáltica, entre a capital financeira do País, São Paulo e outras importantes cidade do País, localizadas em Minas Gerais, Goiás, Mato Grosso e até o Estado do Acre, onde termina a rodovia. Estamos empenhados e queremos ver finalizado este importante corredor econômico e de vital importância ao sistema logístico, ligando viários das regiões do País”. finaliza do Deputado Aelton.

Entendo o caso

Antes da conclusão das obras na BR-364, lideranças políticas municipais da região do Pontal Mineiro, fizeram gestão em Brasília, na comissão mista de orçamento, para que viabilizasse o asfalto da rodovia estadual, entre a BR-364 e a cidade de Gurinhatã. Essa mudança de rota de trabalho nas obras, comprometeu na ordem orçamentária e o referido trecho da BR-364, ficou prejudicado e permanece até os dias atuais sem asfalto.

Conhecida como São Paulo Cuiabá, a 364 é um dos maiores trechos rodoviários do País, com cerca de 4.310 quilômetros de extensão, e só termina na divisa do Estado do Acre com o Peru. Os investimentos do governo federal para a conclusão das obras na parte da rodovia em solo do Triângulo Mineiro, foram na ordem de R$280 milhões.

#rodovia, #br364, #triângulomineiro, #sãopaulocuiabá, #aeltonfreitas

 

Leia também
A FORÇA DO AGRONEGÓCIO

Em semana de feriado boi gordo e suíno começam com queda no preço da arroba

O preço da arroba do boi gordo teve queda de mais de 4%, em São Paulo, sendo comercializada, …

Há 2 semanas atrás - 192
A FORÇA DO AGRONEGÓCIO

Eventos climáticos responderá pela queda drástica na produção agrícola brasileira

A Confederação da Agricultura e Pecuária do Brasil (CNA) promoveu a live “Perspectivas climáticas: o que esperar para …

Há 2 semanas atrás - 136
A FORÇA DO AGRONEGÓCIO

Novilho é cotado a R$275,00

O gado de corte está no topo das principais atividades do agronegócio, exploradas na região do Pontal Mineiro. …

Há 1 mês atrás - 251